Amadores de Santarém e Montemor prometem acesa competição no Campo Pequeno

São os dois grupos de forcados amadores mais antigos de Portugal. Voltam a encontrar--se dia 3 de Setembro, no Campo Pequeno, no mano-a-mano João Moura Jr – João Ribeiro Telles Jr. Santarém e Montemor protagonizam, há mais de 70 anos, uma rivalidade muito especial. Sã, mas muito vincada, uma rivalidade que é vivida, sobretudo, dentro da praça.

Diogo Sepúlveda, cabo do Grupo de Forcados Amadores de Santarém, em temporada de comemoração do centenário, considera esta temporada como “redonda”, destacando três das 16 actuações que o grupo leva: “a corrida de 1 de Maio, em Montemor-o-Novo, na qual ganhámos o troféu em disputa, a ‘Barra de ouro’, a de 6 de Junho, em Santarém, comemorativa dos 100 anos do grupo e a de 23 de Julho, no Campo Pequeno. Foram três grandes corridas, qualquer delas um verdadeiro hino ao forcado.

Por seu turno, António Vacas de Carvalho destaca, das 13 actuações do Grupo de Forcados Amadores de Montemor, de que é cabo, a corrida de 18 de Junho em Lisboa a qual “devido ao extraordinário ambiente que a envolveu e ao resultado artístico, será não apenas a corrida da temporada, mas a corrida de várias temporadas”.

Ambos têm opiniões coincidentes quanto à rivalidade “Santarém-Montemor”. Para

Diogo Sepúlveda trata-se de “uma rivalidade saudável e com muita história e tradição. É sempre um atractivo para o aficionado ver estes dois grupos em competição”. “Histórica e sã” definem para António Vacas de Carvalho essa mesma rivalidade.”Estamos sempre dispostos a dar o melhor de nós em prol da competição e em prol da festa”, acrescenta.

Para dia 3, Diogo Sepúlveda deseja que “seja um triunfo para todos nós e que a figura do forcado saia, mais uma vez, enaltecida”, enquanto António Vacas de Carvalho considera esta corrida como um estímulo adicional, acentuado por decorrer no Campo Pequeno”.

Sobre o mano-a-mano João Moura Jr – João Ribeiro Telles Jr, o cabo do grupo de Santarém define-o como “o mais esperado, pois qualquer dos cavaleiros está a atravessar um grande momento de forma, pelo que a competição promete um grande espectáculo”. No entender de António Vacas de Carvalho, esta corrida será um momento alto da temporada. “Vão estar em praça os dois cavaleiros que mais se destacaram ao longo da temporada e, como tal, é uma corrida que interessa a todo o aficionado e ao público em geral, pelo momento artístico que cada um dos cavaleiros atravessa e pela diferença de estilos de cada um deles”.

0 comentários:

Enviar um comentário

ATENÇÃO: NÃO SE ACEITAM COMENTÁRIOS ANÓNIMOS

NOTICIAS

Insira o seu e-mail e receba todas as actualizações do FORCADO AMADOR

Visite a Loja On- Line

Visite a Loja On- Line
________________________________________________________________________________________________________

Clique na imagem e aceda aos últimos vídeos!

ATENÇÃO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução dos conteúdos sem autorização. Se desejar alguma fotografia ou informação contacte: geral.forcadoamador@gmail.com.

FORCADO AMADOR © 2014 All rights reserved.